RSS

Amor é coisa de Hollywood

16 Jul

Uma mulher de 40 anos separa-se do marido, e passa a ter que cuidar sozinha de dois filhos ainda dependentes dela. Então, num supermercado, no shopping ou numa sala de chat, ela conhece um homem que se apaixona por ela, faz tudo para conquistá-la e quando consegue, assume, não só os filhos, como as despesas da casa, da família, passando a cuidar dela, protegendo-a, inclusive do ex-marido.

Essa é uma cena típica de filme (duvido que, mesmo entre os americanos, isso aconteça).

Ou o amor brasileiro é mais interesseiro? Porque as estórias que ouço ou leio, sempre possuem um desequilíbrio, tanto na questão financeira, quanto na questão etária. Um homem bem posicionado socialmente escolherá uma mulher: se pobre, muito mais nova; e se de idade compatível, independente financeiramente. E um homem em dificuldades financeiras buscará uma mulher independente nesse quesito, que, sendo assim, terá mais idade.

Portanto, se o amor fosse determinante, variantes ocorreriam!

Por que será que das estórias de amor desinteressado não se tem notícia? Será que as pessoas não divulgam esses finais felizes reais por maldade, por inveja, por ciúme?!

Portanto, para mim, juntamente com os duendes, fadas e aliens, o amor depois dos 40 anos é invenção de Hollywood!!!!

Aysha

 

 
Deixe o seu comentário

Publicado por em 07/16/2012 em amor

 

Etiquetas:

Deixe uma Resposta

Preencha os seus detalhes abaixo ou clique num ícone para iniciar sessão:

Logótipo da WordPress.com

Está a comentar usando a sua conta WordPress.com Terminar Sessão /  Alterar )

Google photo

Está a comentar usando a sua conta Google Terminar Sessão /  Alterar )

Imagem do Twitter

Está a comentar usando a sua conta Twitter Terminar Sessão /  Alterar )

Facebook photo

Está a comentar usando a sua conta Facebook Terminar Sessão /  Alterar )

Connecting to %s

 
%d bloggers like this: