RSS

Arquivo da Categoria: poema

Acredito


Eu acredito no batom;
Acredito no perfume;
Acredito no esmalte;
Acredito na tinta de cabelo;
Acredito no sutiã;
Acredito nos acessórios;
Acredito no pretinho básico;
Acredito no salto alto;

E mesmo assim;

Eu sei…
Amanhã estarei mais velha.

Madame Bê

 
Deixe o seu comentário

Publicado por em 11/12/2012 em poema

 

Etiquetas:

Teclas


Vejo meus dedos grudadinhos nessas teclas,
Vivendo dentro de sonhos jamais vividos,
Criando castelos medievais e cidades invisíveis,
O céu pode ser cor de rosa e as estrelas… quem se importa.

Aqui posso viajar em cavalos alados, seguir o horizonte,
Atravessar galáxias coloridas, em foguetes prateados.
Me permitir abraçar o vento, sentir a brisa,
Ser inocente, ignorante, louca, anja ou endiabrada.
Nas teclas existe apenas….
Letras, palavras, frases e sonhos.

Madame Bê

 
Deixe o seu comentário

Publicado por em 10/27/2012 em poema

 

Etiquetas:

Eternamente

Um vídeo feito com doçura…

Madame Bê

 

Planeta Terra

Viva, vibrante e majestosa,

És água, terra, fogo e ar.

Teu cheiro tem vários cheiros,

Tua cor é de várias cores.

Um ponto no firmamento.

Às vezes furiosa, outras calma e serena.

Com teu movimento vejo o sol e a lua,

Da tua terra tiro meu sustento,

Nas tuas águas mato minha sede,

És linda, misteriosa és única.

Eu apenas uma criança,

Prepotente penso que já sei de ti.

Habito em todos os teus lugares.

De ti quero tudo,

Mas nunca aprendi a dar.

Ensina-me a cuidar.

Ensina-me a cuidar, de ti.

Madame Bê

 
Deixe o seu comentário

Publicado por em 06/20/2012 em poema

 
 
%d bloggers like this: