RSS

Mais dos mesmos

“Entre o sonho americano e o purgatório”. Manchete de uma das capas da folha de São Paulo”.

Sim, as pessoas da América Latina estão no purgatório. Enquanto muitas delas culpam os Estados Unidos por seus países serem ruins, eu culpo o próprio povo, ele não sabe votar.

Votam em políticos ladrões, uma, duas, três, quatro vezes… Votam a vida toda em um único candidato e nunca se interessaram em cobrar nada dele. Não se interessam em ler o que jornais falam desse político e ou se ler algo ruim, não acreditam que ele rouba. Preferem acreditar na sua intuição, ou acreditam que Deus vai livra-los da miséria.

América Latina nunca precisou dos Estados Unidos. Somos auto suficientes em tudo. Os Estados Unidos poderiam não comprar mais nada de nós e mesmo assim, teríamos o resto do mundo pra comercializar. Acreditar que países como os nossos precisam dos Estados Unidos pra melhorar nossas vidas, é no mínimo burrice. É coisa de pessoas que não pensam, ou de pessoas que pensam, e disseminam inverdades pra manter grandes grupos na total estupidez.

Os Países da América Latina são o que são, porque não temos políticos honestos. Porque votamos sempre nos mesmos. Porque deixamos eles nos iludir. Porque acreditamos que sairemos da pobreza com a ajuda deles. Enquanto eles, não estão nem aí pro povo.

Biden quer frear imigração, oferecendo US$ 310 milhões em ajuda a países da América Central.

Vejam, os Estados Unidos vai pagar políticos da América Central, pra que esses não deixem passar a “boiada”.

Ou seja, os políticos vizinhos, os corruptos em quem votamos, os velhos malandros que se coligam entre si, vão colocar policiais e o exército pra meter bala no povo.

É isso que eles vão fazer. Ou vocês acham que os políticos vizinhos vão criar uma maneira de amenizar a pobreza em seus países?

Enquanto nós tivermos, mais dos mesmos, vamos continuar no purgatório.

 
Deixe o seu comentário

Publicado por em 05/11/2021 em Brasil

 

Mas que COISA heim!!

Não sei quem é o autor dessa “coisa” mas que é legal é!!! A palavra “coisa” é um bombril do idioma. Tem mil e uma utilidades. É aquele tipo de termo-…

Mas que COISA heim!!
 
Deixe o seu comentário

Publicado por em 04/24/2021 em Brasil

 

A gente vai embora

A GENTE VAI EMBORA e fica tudo aí, os planos a longo prazo, as tarefas de casa, as dívidas no banco, as parcelas do carro…

A GENTE VAI EMBORA, sem sequer guardar a comida na geladeira. Sem sequer tirar a roupa do varal.

A GENTE VAI EMBORA e some toda a importância que pensávamos que tínhamos.
A vida continua… e as pessoas superam seguindo com suas rotinas.

A GENTE VAI EMBORA e as brigas, as grosserias, a impaciência, a infidelidade… serviram apenas pra nos afastar daqueles que nos traziam felicidade e amor.

A GENTE VAI EMBORA e todos os problemas que achávamos que tínhamos se transformam, em nada. Já não há mais problemas.
As coisas têm a energia que colocamos nelas e exercem em nós a influência que nós permitimos.

A GENTE VAI EMBORA e o mundo continua, como se a nossa presença ou ausência não fizesse a menor diferença.
E na verdade, não faz.

Somos prepotentes.
Esquecemos que a morte anda sempre à espreita.
Em um piscar, a vida se vai…

QUANDO A GENTE VAI EMBORA, somos substituídos no cargo que ocupávamos na empresa. Somos substituídos por outra esposa, por outro marido. Somos substituídos por outro amigo, outra amiga…
Todas as coisas que julgávamos importantes, não terão a mesma importância para outra pessoa.
Toda a dor sentida, ao ver um filho indo embora, também se dissipa, assim que vamos também.
Todos nós, sem exceção, vamos embora.

Viver é uma dádiva.
Envelhecer é um presente.
Morrer é uma certeza.

A partir do momento que nascemos, começa o tic tac pra nossa partida.
Cada dia vivido, é um dia a menos.

O QUE VOCÊ ESTÁ FAZENDO COM TEMPO QUE TE RESTA?

Viva, intensamente sua vida, enquanto estiver vivo.

É isso que iriam querer, os que já se foram.
É isso que você quer, quando for.
Porque todos vamos embora!
A GENTE VAI EMBORA…

Adaptação do texto de Sérgio Cursino.

 
Deixe o seu comentário

Publicado por em 04/23/2021 em Brasil

 

Do fundo do poço

Olha o que eu achei no fundo do baú: 👇

Vejam essa notícia senhoras e senhores, principalmente aqueles que se esborracharam gritando sobre os males da privatização.

“Vamos “reprivatizar” a Vale. Vamos colocar todo mundo para vender esse troço todo. Vamos tirar as patas do mercado”, (…) Fonte G1

Pois bem, Benjamin Steinbruch, dono da têxtil Vicunha, comprou em 1993 a Companhia Siderúrgica Nacional (CSN). Pela bagatela de, trinta vezes menos. que o valor que recebeu de um financiamento feito no BNDES.

Em 1997, Benjamin Steinbruch, também teve a grande oportunidade de comprar a Vale do Rio Doce (CVRD). Em garantia, deu a própria siderúrgica (CSN) que havia comprado em 1993 e ainda estava pagando, pagando-a com mais outro financiamento do BNDES.

Em 2005, a dívida do tal Benjamin Steinbruch era tão enorme com o BNDES, que o presidente do BNDES fez um acordo com o tal Benjamin. Criaram uma “sociedade de propósito específico” a (SPE) fundações estatais: seus donos agora seriam a Previ, Funcef e a Petros.

Somadas as ações da Vale, pertencentes ao BNDES e as ações da sociedade das Fundações, o governo passou a ter novamente a maioria das ações da Vale.

Ou seja, a Vale voltou a ser uma empresa estatal. E pra isso, entregaram a siderúrgica (CSN), praticamente de graça, para o Sr. Steinbruch.

Pra coisa não ficar tão evidente, passaram a direção da empresa para o segundo maior acionista, o Bradesco.

Quem lembra da gravação feita por Joesley Batista em 2017?

Na época, Aécio pedia R$ 2 milhões para Joesley para pagar o advogado Alberto Toron, coincidentemente advogado da Vale do Rio Doce. Na gravação, Aécio deixou claro que indicaria o presidente da Vale. Segue um trecho da gravação.

-“nós fizemos um treco lá, que em tese é independente, mas na prática o candidato da gente acaba ganhando’”. Aécio Neves

Pra terminar, nosso País, ficou ainda mais “podre” que a lama de Brumadinho. E mesmo assim, vejo aqueles que insistem em gritar: “Lula livre”, “ele não”, “Bozo”, “eles querem tirar tudo dos pobres”, “fascistas não passarão”, e por aí vai…

Ou esse pessoal acorda pra vida e clama pela reforma que o Moro quer implantar pra que todos eles possam ver o sol nascer quadrado, ou vamos continuar eternamente sendo roubados por essa turma de delinquentes que há anos está no poder.

Lembrando, os caras do STF estão fechados com esses delinquentes.

Resta acrescentar:

Hoje depois de quase três anos, Bolsonaro, junto com o centrão, junto com o STF, junto com todos corruptos e corruptores, jogaram uma pá de cal, na única esperança que o Brasil tinha, que era a Lava Jato.

Como é que nós, reles mortais vamos conseguir limpar esse País?

 
Deixe o seu comentário

Publicado por em 04/22/2021 em Brasil

 

Eu apoio a Lava Jato

Os protestos hoje em todo Brasil, acontecem na sua grande maioria, para pedir o artigo 142…

Suponhamos que aconteça:
1° – O Brasil automaticamente passaria a ser visto como ditadura.
2° – Como tal, viriam recessões e restrições econômicas.
3° – Os países do mundo não comprariam mais do Brasil. E Brasil não poderia comprar nada de ninguém.
4° – Haveria congelamento de todas as contas brasileiras no exterior, incluindo a reserva de ouro nos EUA.
5° – O Brasil já está sem recessão econômica. A economia cairia para depressão econômica.
6° – Sem ter pra quem vender não teríamos o que produzir. O desemprego cairia ainda mais, gerando uma desvalorização ainda maior na moeda.
7° – Haveria mais fome. E como estamos em uma pandemia, ficaríamos sem insumos pra vacinação e medicação, tudo isso ficaria ainda maior.
8° – Poderia acontecer uma intervenção estrangeira armada, guerra e mais fome.
9°- Por mais atrativo que possa parecer, pra livrar o País da corrupção, as consequências de uma possível intervenção seriam cruéis.
10°- Não estamos em 1964. As coisas mudam e há outros meios.

Por isso volto a repetir:

  • implorem pela volta da Lava Jato.
  • Bolsonaro com suas indicações, fez a burrada e acabou com Lava Jato, ele é o único que pode fazer ela voltar.
 
Deixe o seu comentário

Publicado por em 03/14/2021 em Brasil

 

Para os admiradores do “Mito”

Quando se elegeu, tentou fazer o que todos esperavam dele. Apesar de Onix Lorenzoni, (delatado na lava jato) e apesar de esquecer seu grande amigo Magno Malta; colocou pessoas capacitadas nos ministérios e parecia que o Brasil finalmente sairia do lamaçal.

No ministério da justiça colocou o juiz Sérgio Moro, um dos homens que peitou os piores políticos que essa nação tinha. Deu a ele carta branca.
Mas em seguida, pra surpresa de muitos, colocou Augusto Aras como procurador geral da república.

Augusto Aras já defendia teses esquerdistas em 2016:
“Hay que endurecer sin perder la ternura’, dizia um pensador latino-americano que ousou sonhar com liberdade”, citação atribuída a Che Guevara.
Aras sempre foi a favor do MST, sempre foi a favor de inocentar criminosos e sempre frequentou a nata petista. E pior, ele sempre criticou a Lava Jato. Todos sabiam disso, inclusive Bolsonaro.

Ali, Bolsonaro começou a botar suas manguinhas de fora e mostrou ao Sérgio Moro que a “carta branca”, não seria tão branca.

Como assim?
Bolsonaro escolheu pra PGR, um petista que odiava a Lava Jato!
Petistas estavam em festa. Gleisi Hoffmann escreveu em seu Twitter: “Se tem uma coisa que o PGR indicado por Bolsonaro tem razão é essa: o sequestro do Brasil pela Lava-Jato e seus aliados levou a economia do país à ruína”.
Os caras do STF também ficaram bem satisfeitos com a indicação.
A tal “Lava-Toga” que o povo brasileiro vinha sonhando, caiu por terra.

Apesar da raposa na toca; o que fez Moro pedir demissão, foi quando Bolsonaro demitiu Maurício Valeixo, braço direito de Moro.

Valeixo e Moro já trabalhavam juntos na Lava Jato. E foi pela proximidade dos dois e por ter recebido “carta branca” de Bolsonaro, que Moro o escolheu pra comandar a PF.

No lugar de Valeixo, Bolsonaro tentou colocar Alexandre Ramagem, amigo da família Bolsonaro. Coisa inimaginável de acontecer em uma república democrática. Tao errado que Bolsonaro foi impedido pelo STF.

Com a saída de Moro e Valeixo, uma chuva de contradições, tomou conta das redes sociais. Bolsonaristas acusavam Moro de traidor.

Como assim: Moro traidor?
Bolsonaro quis colocar um amigo da família pra tomar conta da PF e o traidor era Moro?

Esse povo não lembra o que aconteceu com mensalão, com o petrolão?
Esse povo confiaria a chave do galinheiro, com todos os ovos, com todas galinhas e galos pra um único político?
Vocês são loucos?

Mas, até então eu vinha me segurando. Ainda acreditava que Bolsonaro poderia dar uma amenizada nesse País. Até então, apesar de ressabiada, pensei que Bolsonaro ajudaria o povo brasileiro a sair desse lamaçal.

Então veio a troca de um dos ministros do STF. E quem foi o escolhido por Bolsonaro?
Kassio Nunes. Outro esquerdista. Outro cara contra a lava Jato. Outro cara que pensa e diz que: supremos devem sim, comer lagostas e beber vinhos importados as custas de um povo que está cada vez mais pobre.

A Suprema Corte se diz a “guardiã” da constituição. Mas nada mais é, do que um órgão político. Seus membros tendem a votar em favor dos grupos partidários que os colocaram lá. Isso é fato e é visível.

Porque Bolsonaro colocou mais um esquerdista no STF?
Porque?
O que Bolsonaro não quer que apareça?

Políticos costumam fazer teatro pro povo ver. Se mostram inimigos, quando na verdade estão abraçados fazendo leis cada vez mais duras pra ralé aqui em baixo. Cada vez que falta grana pra eles aumentar seus altos salários, cavam uma nova lei para os idiotas aqui em baixo, pagar.

Quando estatais dão prejuízo?
O povo paga a diferença.
Quando estatais dão lucro?
O povo não vê baixa nos preços.

O Brasil está falido. Não é culpa do povo. A culpa é deles, dos políticos. São uns abestados, não entendem como funciona uma empresa. Não sabem administrar o dinheiro, mas sabem cobrar quando falta.

Eu tenho pena de vocês, Bolsonaristas e Petistas. Pois não enxergam um palmo na frente do nariz. Lula não fez nada. Bolsonaro até agora também não.
E pra mim, quando um político não faz o que deveria fazer, eu esculacho. Eu tenho nojo desse tipo de político. Tenho vontade de vomitar em cima deles.

Pessoas estão morrendo.
Pessoas morrem há anos porque não conseguem ser atendidas nos hospitais.

Brasileiros pagam uma fortuna de imposto, retirada todo mês dos seus salários. Pessoas pagam uma fortuna de imposto, cada vez que vão ao supermercado comprar comida. O supermercado paga uma fortuna de importo, em cada mercadoria que entra nele. O caminhoneiro paga uma fortuna de imposto, cada vez que leva comida pro supermercado. O posto de combustível paga uma fortuna de imposto, já incutido no preço da gasolina.
O agricultor paga uma fortuna de imposto, cada vez que tira nota. Quando acendemos uma lâmpada dentro de casa, pagamos uma fortuna de imposto. Quando bebemos um copo de água pagamos uma fortuna de imposto. Empresas pagam uma fortuna de importo todos os meses e a cada final de ano. Assim como tu, que recebe um pouquinho mais que um salário mínimo. Pagamos uma fortuna de imposto, cada vez que usamos o celular, à internet. Todos nós, estamos pagando impostos de produto em cima de produtos, em cima de produtos, pra não ter leito em um hospital quando ficamos doentes.

O SUS é bom! Onde?
Ano após ano, é essa sofrencia.
Médicos que recebem uma mixaria do SUS, que também já vem descontado o imposto, mandam doentes pra casa. Mandam esperar mais sintomas do Covid aparecer.

Não me venham defender seus políticos de estimação. Não venham com seus dedos apontados pra mim. Aprendi com meu pai o que é justiça e justiça não é o que vejo acontecer. Estou vendo homens valentes ser taxados de bandidos enquanto os bandidos são os políticos que vocês eudeusaram.

Tomamos as ruas em defesa dos homens da Lava Jato. Eles estavam trazendo esperança. Eles vinham puxando os fios da corrupção. Corrupção que estava e está enraizada até os úteros das mães desses merdas. E são merdas, os caras que Bolsonaro se aliou. São todos contra a Lava Jato.
Pra ti, Moro e todos os caras que tentaram fazer algo por ti e por esse País viraram bandidos. Tenha santa paciência. Tu não quer um País melhor, tu quer esse político xinfrim chamado Bolsonaro e que se aliou aos porcos.

Calem a boca, antes de vir me xingar. Olhem pra fora do carro quando parar em uma rua esburacada em uma sinaleira qualquer, e observem as crianças maltrapilhas tentando vender bala em plena pandemia.

Se depois de eu ter escrito tudo isso, tu ainda vier me dar lição de moral, porque deixei de apoiar Bolsonaro, sinceramente, tu merece meu desprezo. E tenho dito.

 
Deixe o seu comentário

Publicado por em 03/14/2021 em Brasil

 

Muda Brasil

“Se for vinho tinto fino seco, tem de ser Tannat ou Assemblage, contendo esse tipo de uva, de safra igual ou posterior a 2010 e que “tenha ganhado pelo menos 4 (quatro) premiações internacionais”. “O vinho, em sua totalidade, deve ter sido envelhecido em barril de carvalho francês, americano ou ambos, de primeiro uso, por período mínimo de 12 (doze) meses.”

Se a uva for tipo Merlot, só serão aceitas as garrafas de safra igual ou posterior a 2011 e que tenha ganho pelo menos quatro premiações internacionais. Nesse caso, o vinho, “em sua totalidade, deve ter sido envelhecido em barril de carvalho, de primeiro uso, por período mínimo de 8 (oito) meses”.

Para os vinhos brancos, “uva tipo Chardonnay, de safra igual ou posterior a 2013”, com no mínimo quatro premiações internacionais”.

Entre outras, os vinhos citados acima, são necessidades do STF brasileiro.

 
Deixe o seu comentário

Publicado por em 01/21/2021 em Brasil

 

Somos uma legião de patetas

Aos poucos, políticos foram nos encaixando em pequenos grupos distintos e assim, chegamos até aqui. Travando uma constante guerra, uns com os outros e outros com os uns.

Enquanto isso, os políticos, roubavam, mentiam, corrompiam e faziam leis que beneficiavam eles próprios. Nós, nunca conseguimos enxergá-los de verdade, pois estávamos e ainda estamos, brigando entre nós.

PT, PSDB, PP, PMDB, PSol, PCdoB, P, P, P…

Mais de DOIS BILHÕES foram gastos e divididos entre os 33 partidos nessa eleição. Dinheiro dos impostos. Dinheiro que deveria ter ido pra hospitais, escolas, saneamento… Esse foi o valor da “festa” que o povo brasileiro pagou, pra eleger seu partido e político de estimação.

Enquanto eles esbanjam, nós, idiotas, discutimos se Jesus é ou não gay. Se devemos ou não colocar potes de comida pra cachorro na rua. Se mulher é ou não igual ao homem. Discutimos coisas tão absurdas, que nunca nos levaram a lugar algum.

Quando vamos entender que, essas, não são discussões importantes pro País.

Elas são apenas, distrações.

Nós povo, deveríamos deixar de lado todas essas ladainhas idiotas e nos unir.

Os brasileiros de esquerda, de direita, do centro, liberais e conservadores, deveriam exigir dos políticos, que façam a coisa certa. Deveríamos exigir pessoas capacitaras nos ministérios. Deveríamos exigir, uma reforma política de primeiro mundo. Deveríamos exigir o fim do foro privilegiado. Deveríamos exigir, a prisão após segunda instância. Deveríamos exigir, a independência e autonomia do judiciário. Exigir, exigir, exigir…

Cada deputado, recebe atualmente, R$ 33.763 por mês. + Mais R$ 111.675,59 para pagar funcionários do gabinete. + Mais R$ 30.788,66 a R$ 45.612,53 de cota parlamentar. + Mais R$ 4.253 por mês como auxílio moradia. + Mais R$ 524,00 para viagens oficiais no Brasil. + Mais 391,00 dólares pra viagens ara países da América do Sul. + Mais 428,00 dólares pra viagens pra outros países. + Mais secretários. + Mais estagiários. + Mais, + Mais, + Mais…

E não foi mencionei valores de senadores, valores da Suprema Corte, valores dos ministros que compõe o governo, etc.

Deveríamos estar indignados e contra esses absurdos.

Mas não… !!!

Somos como crianças mimadas. Preferimos ofender nosso vizinho.

Quando escrevi contra o juiz que Bolsonaro colocou no STF, quase fui trucidada.

Só o fato de o cara achar ‘normal’ os gastos com lagostas e vinhos importados pro STF, já deveria ser motivo de revolta.

Ouvi pessoas inteligentes dizer:

“Bolsonaro sabe o que está fazendo”.!!!

Somos ou não, um povo sem noção?

Penso que ao longo do tempo, os políticos tiraram toda nossa capacidade de raciocinar. Nosso ego enorme, não nos deixa criticar o cara que elegemos.

As frustrações do dia a dia, não permitem enxergar os erros do nosso político de estimação.

Com isso, perde o País. Perdemos nós.

Partidos políticos, não são e nem podem ser, comparados aos nossos times de futebol.

Político A ou B, não deve ser o “nosso herói”.

O cara que elegemos, precisa ser cobrado.

O cara que elegemos, não pode, de jeito nenhum, estar na vasta lista da polícia federal.

O cara que elegemos, deve trabalhar pra todos brasileiros e não defender pautas polêmicas, que fazem a plebe bramir feito louca.

Aprenda a exigir deles, aquilo que eles nunca foram capazes de cumprir.

Madame Bê

 
Deixe o seu comentário

Publicado por em 11/17/2020 em Brasil

 

Liberdade de expressão

Um professor francês, morreu decapitado após se atrever e mostrar aos alunos, a caricatura de Maomé, publicada na revista Charlie Hebdo em 2015.

A intenção do professor em mostrar a figura, era de explicar e debater com as crianças, sobre um dos pilares da república francesa. A liberdade de expressão.

O fato de ele ter oferecido a seus alunos muçulmanos a oportunidade de deixar a sala de aula enquanto as caricaturas de Maomé estavam sendo discutidas, não foi suficiente para protegê-lo da fúria de seu algoz.

Este ataque teve como alvo um homem, mas o objetivo foi deixar claro para o ocidente, de que a liberdade de expressão, antes pilar da democracia, já não existe mais.

Cale-se, islamofóbico!

O bom entendedor, percebe que a cultura ocidental vem sendo cancelada, quando um professor de história, não puder mais discutir fatos acontecidos no passado.

Você, que é defensor do politicamente correto, defensor da imigração sem limites, tem a mesma culpa, desse que usa sua espada e corta cabeças.

Você pode até não perceber, mas sim, você contribuiu com esse clima de censura.

Você vem permitindo que seu vizinho entre na sua casa, defeque no chão e espalhe o excremento nas paredes e na sua cara; porque você é literalmente um covarde. Prefere se curvar, aceitar e calar, enquanto extremistas islâmicos tomam medidas cada vez mais radicais.

Você que chama de “fóbico” todos aqueles que se expressam contra as suas ideias e ideais de vida, deveria perceber que em uma sociedade livre há sim, criticas e nem todas são fóbicas.

Poder criticar, não é entrar em guerra contra muçulmanos e sua religião, por exemplo, é apenas poder contar aos jovens sobre Charlie Hebdo e o caso das caricaturas sem que sua cabeça saia do seu corpo.

https://www.facebook.com/499682940133305/posts/2895008173934091/?vh=e&extid=0

 
Deixe o seu comentário

Publicado por em 10/21/2020 em Brasil

 

China Comunista

Entre 1958 e 1962, 45 milhões de chineses morreram de fome, enquanto outros milhões tiveram que aprender a comer qualquer coisa pra não morrer, conforme o livro, ‘A grande fome de Mão’ de Frank Dikötter.

Quando você come rato, morcego, cobra e ou coisa parecida por um longo período de tempo e oferece o mesmo aos teus filhos; vira algo normal, comida de rotina.

Mesmo que hoje eles tenham carnes como a de vaca, porco, ovelha… que são animais vacinados e tratados para consumo humano, eles continuam com o paladar voltado para carnes que nós jamais pensaríamos em comer.

O resultado está aí. E não é a primeira vez, nem será a última, que epidemias aparecem de países que foram fortemente reprimidos pela mão de um ditador.

Esse é um dos motivos do comunismo ser ruim.

Nós diretamente ou indiretamente, temos muita culpa. Alimentamos o monstro chinês desde que abriram sua economia para o mundo, sem que a mão fechada em punho, amenizasse a sofrida jornada povo chinês.

Nós humanos, somos pessoas vis e sem o mínimo de bom senso. Gritamos sobre direitos humanos, diversidade, ecossistema, … fomos até lá, ensiná-los a arte do fazer, sem nos importar com os alojamentos onde dormiam, onde e o que comiam, ou como viviam. Desde então, compramos praticamente tudo da China, sem lembrar que o povo por lá, quase não tem direitos.

Só percebemos o tamanho do monstro, quando americanos e europeus chegam nas fábricas de sapatos em Dois Irmãos, perguntando onde ficam os alojamentos dos funcionários.

Como se fosse normal, pessoas se amontoar em galpões, beliches, comendo qualquer coisa ou em qualquer lugar e sabendo que muitos só podem abraçar seus filhos uma vez por ano, na comemoração do Ano Novo chinês.

Mas é tudo tão baratinho, não é?

 
Deixe o seu comentário

Publicado por em 01/31/2020 em Brasil

 
 
%d bloggers like this: